beleza

Como reduzir as rugas? Remédios caseiros contra as rugas

À medida que envelhecemos, a pele perde colágeno e elastina; por isso fica cada vez menos flexível e mais enrugada. Se a isso somarmos alguns hábitos cotidianos como, por exemplo, fumar, expor-se ao sol ou franzir o cenho, é mais provável que o rosto deixe de ser jovem. Neste artigo, contaremos como diminuir as rugas com remédios caseiros.

Dicas para combater a rugas do rosto

Um bom tratamento natural para combater as rugas consiste em:

  • Comer mais alimentos ricos em proteínas que favorecem a formação de fibras de colágeno e elastina, que dão sustentação à pele;
  • Usar diariamente cremes anti-rugas porque eles hidratam a pele e tornam-a mais firme, combatendo a flacidez;
  • Tomar colágeno hidrolisado diariamente a partir dos 30 anos de idade;
  • Durmir bem, sempre 8 horas por noite, pois assim o corpo descansa o suficiente e produz uma maior quantidade de cortisol, prevenindo o aparecimento das rugas;
  • Alimentar-se bem, comendo bastante frutas, legumes e verduras, que combatem os radicais livres e consequentemente o envelhecimento da pele;
  • Usar diariamente um bloqueador solar e não ficar exposta ao sol;
  • Lavar o rosto e as mãos com sabonete líquido neutro ou com propriedades hidratantes, preferencialmente sem perfume, que não agride nem resseca a pele.
rugas

Não fumar

Quando você fuma, a boca realiza um movimento específico… e os arredores dos lábios enrugam! Se multiplicarmos este fato pela quantidade de vezes que isso é repetido, é fácil compreender porque aparecem as “marcas”.

Animais de maneiras de lidar com as rugas

Existem muitos remédios caseiros fáceis que ajudarão a reduzir as rugas e impedir que novas se formem.
Abaixo uma lista com os 6 principais remédios caseiros para rugas. E no final uma dica especial que acaba com as rugas de uma vez por todas.

Ingredientes da receita:

  • Dez gramas (aproximadamente duas colheres de sopa) de flor e folhas de alecrim
  • Uma xícara de chá de água

Como fazer esta receita:
Ferva a água e prepare uma infusão com as folhas e flores de alecrim, deixando tampado por cerca de dez minutos. Antes de se deitar, todas as noites, embeba um algodão no líquido e faça uma massagem no rosto. Deixe secar sobre a pele.

Treine os músculos da sua testa. 

Você pode ter mais dificuldades com as rugas da testa se abrir os olhos usando os músculos da região, em vez das pálpebras. Fazer um exercício simples para treinar esses músculos pode ajudar você a reduzir as dobras da testa, além de corrigir as suas pálpebras caídas.

Forme “Cs” com as suas mãos e as coloque diretamente sobre os seus olhos. Os dedos indicadores devem ficar acima de cada sobrancelha, ao longo do osso superior da cavidade ocular, enquanto os polegares devem ficar em cada lado do nariz, logo acima das narinas.
Pressione os dedos de cada mão para baixo e para os lados; depois, expanda o seu peito e role as suas escápulas para baixo.
Abra os olhos ao máximo e os deixe assim por cinco segundos. Nesse período, pressione os indicadores contra as suas sobrancelhas para evitar que elas e a sua testa se movimentem.
Semicerre os olhos cinco vezes; depois, feche-os completamente e relaxe por cinco segundos.

Repita todo o processo mais duas vezes; depois, repita o exercício ao menos uma vez a cada dia até notar resultados.

Cápsulas de vitamina E

A vitamina E é ótima para a nossa pele; é um potente antioxidante muito necessário para nosso organismo e que consumimos por meio dos alimentos, mas nem sempre é suficiente. Você pode usar 3 cápsulas de vitamina E, quebrando-as num potinho e adicionando 2 colheres de iogurte natural, ½ colherinha de mel e ½ colherinha de suco de limão. Aplique no rosto com a ajuda dum algodão. Deixe atuar por 10 minutos e depois lave.

Sending
User Rating 5 (1 vote)

Ela conseguiu o seu conhecimento durante os estudos de nutrição humana no Instituto Politécnico de Viseu. Membro da Associação Portuguesa de Nutricionistas. Autora de inúmeras publicações sobre nutrição, treinamentos e estilo de vida. Realiza treinamentos em instituições educacionais públicas. Está constantemente a expandir o seu conhecimento, participando de conferências e treinamentos sobre tópicos relacionados à dieta saudável, obesidade e problemas psicológicos. Empenha-se e presta particular atenção ao trabalho com o paciente para que as mudanças que ela ajuda a implementar nas suas vidas sejam de longo prazo.